fbpx
Autoridade e função do gerente de risco e seu escopo de gerenciamento

Autoridade e função do gerente de risco e seu escopo de gerenciamento

O gerente de risco é autorizado pelo corpo diretivo a implementar as funções e atividades do programa de gerenciamento de risco com a assistência de equipes administrativas e de atendimento ao paciente. 

O corpo diretivo tem responsabilidade geral pela eficácia do programa e pelo fornecimento dos recursos necessários. As responsabilidades do corpo diretivo são apoiadas por comunicações regulares escritas e verbais sobre as atividades de gerenciamento de riscos que podem afetar as finanças da organização.

A função do gerente de risco é manter um programa de gerenciamento de risco proativo em conformidade com as disposições dos estatutos federais, estaduais e locais, escopo de prática aplicável e regulamentos. 

O programa de gerenciamento de risco é formalmente abordado por meio de comitês designados, por exemplo: o comitê de gerenciamento de risco, o comitê de segurança e o comitê de melhoria de qualidade/ desempenho. 

A descrição específica da função do gerente de risco deve ser tratada em uma descrição de trabalho separada, aprovada pelo corpo diretivo.

O gerente de risco é o responsável por criar, implementar e avaliar o resultado do plano de gerenciamento de risco também nas áreas de assistência ao paciente. As atividades devem ser coordenadas com a melhoria da qualidade / desempenho, controle de infecção, segurança organizacional / do paciente e gerenciamento do ambiente de cuidado.

Escopo do gerenciamento de riscos

Sob a direção do gerente de risco, o programa de gerenciamento de risco fornece meio de colaboração entre todos os departamentos, serviços de atendimento ao paciente e outros serviços da instituição. 

O programa de gerenciamento de risco fornece políticas, procedimentos e protocolos para tratar de eventos que podem criar riscos relacionados a negócios, responsabilidade profissional, responsabilidade geral e compensação de trabalhadores. 

A identificação, investigação e gestão de acidentes, lesões e outros eventos potencialmente compensáveis ​​são uma responsabilidade primária no plano de gestão de riscos. Este processo é dirigido pelo gerente de risco e outros que são delegados para participar nos vários componentes de gerenciamento de eventos adversos que ocorrem com pacientes, funcionários, visitantes e os que afetam os ativos da organização.

O programa de gerenciamento de risco e seu plano de gestão de riscos devem influenciar, persuadir e educar os líderes a fim de obter atendimento de qualidade em um ambiente seguro e proteger os recursos da organização que, no exercício da atividade hospitalar, contempla, de modo geral, as seguintes áreas funcionais.

  • Administração
  • Finanças
  • Negócios e marketing
  • Serviços clínicos e auxiliares
  • Serviços profissionais terceirizados
  • Dados / informação de saúde e gestão da privacidade 
  • Saúde e segurança do empregado
  • Recursos humanos
  • Controle de infecção
  • Engenharia e equipamento médico
  • Equipe médica e de enfermagem
  • Relações com o paciente
  • Melhoria de qualidade / desempenho
  • Gestão da segurança / ambiente de atendimento
  • Gestão da segurança ambiental
  • Gestão da segurança patrimonial
  • Gestão da obtenção e utilização dos meios e recursos
  • Serviços legais.
Rolar para o topo